Como eles crescem

sexta-feira, junho 23, 2006

Era uma vez...

...um bébé 27 meses (desculpem mas para mim ele será sempre o meu bébé) que foi para a "escolinha".
É assim que começa a história do Henrique, não só dele mas de muitos bébés que vão para o infantário, nem sempre por ser uma opção dos pais e maior parte das vezes muito mais novos do que o Henrique.
A história dele começou em 2004 e devo confessar que eu sofri muito mais do que ele, que depois do primeiro mês de adaptação, apesar de alguns choros e birras, rapidamente começou a gostar daquele sitio, daquelas pessoas e dos outros bébés que mais tarde ele começou a tratar por "os meus amigos".
Passaram 2 anos, muita brincadeira, passeios, alegrias, tristezas, alguns castigos, mas também muitas compensações, aprendizagem, crescimento, a verdade é que o tempo passou, e mais uma vez muito depressa. Aquele bébé de fralda e chucha que entrou para a "escolinha" desapareceu já há algum tempo, agora vejo um menino que incentiva os mais pequenos a deixar a chucha e que diz que fazer xixi na fralda é uma porcaria.
O meu menino definitivamente já não é um bébé, embora eu o continue a chamar o meu bébé grande, e ele acha graça e sorri.
Hoje em dia quando eu o observo do lado de fora do portão sem ele perceber, vejo que aquela é a sua "2ª casa", todas aquelas pessoas e crianças fazem parte do mundo dele, todas elas o têm ajudado a crescer. E como cresceu...
Para a semana, dia 30.06.06 é a festinha de "Fim de Ano", mais um ano de escolinha que termina, mais um ano que passou muito depressa, mas nós não podemos parar o tempo não é?
O que eu faço para compensar tudo isto que passa depressa demais, é ver que ele cresce feliz e saudável, se assim é não me posso queixar, afinal a minha função é ajudá-lo a crescer.

7 comentários:

Sorrisos da minha Alma disse...

É isso mesmo, ajuda-los a caminhar. E por muito cresçam serão sempre os nossos "bebes".

Um beijinho grande

Gina disse...

A quem o dizes... mas acho que para nós, eles serão sempre os nosso bebés!

:)

Beijos

gastao salsinha disse...

ola
http://gastaosalsinha.blogspot.com
beijokas

Rita disse...

Olá Paula

Pois o Vasquinho ainda está com a avó e acho que me vai custar horrores quando ele for para a creche.

Eles por mais que cresçam serão sempre os nossos bebe´s.

bjs

rita

Carla O. disse...

Eu tb ainda chamo os meus de bebés - acho q vou chamar sempre - apesar de já estarem bem cresciditos (principalmente o Pedro).
O mais importante é que realmente o notas feliz :)
Muitos bjs nossos!

mamã angelical disse...

o primeiro dia na cresce é o mais dificil...
a minha filhota, teve de se habituar a 2 paises, mas consegui, mas sempre será a minha bebe

Marlene disse...

Ainda bem que ela gosta da escolinha!!! E como é bom ve-los crescer!!! Mas confessa lá, também dá uma certa nostalgia...