Como eles crescem

quinta-feira, setembro 29, 2005

O meu homenzinho pequeno

.
É isso mesmo que sinto quando olho para ele, está a crescer, e isso nota-se todos os dias.
Ás vezes fico um pouco a observá-lo do lado de fora da "escolinha" sem ele se aperceber, e noto pelas atitudes, pela forma como se relaciona com os outros meninos, que já não é um bébé.
Aliás todos os dias ele me recorda isso, quando eu tenho a mania de lhe chamar meu "bébé gande", ele imediatamente responde: "-Eu não xou bébé!"- e diz isto com uma convicção, e tem toda a razão...
Como o tempo passa...
Temos mesmo de aproveitar o tempo da melhor maneira possível, e de preferência com bastante qualidade, e quando me refiro a qualidade estou a falar de sentimentos tão fortes como amor, paixão, entrega total.
Temos de aproveitar o tempo em que eles ainda nos pedem colinho, miminhos, em que "exijem" a nossa presença, porque haverá uma altura em que eles serão grandes demais para o fazer.
Aproveitem ao máximo este tempo, porque ele passa depressa demais...

10 comentários:

Raquel disse...

Também sinto o mesmo que tu.
É uma verdade que devemos viver todos os dias como se fossem os últimos.
Não no sentido da experimentação absurda da liberdade mas no sentido de disfrutarmos quem nos rodeia, e entregarmo-nos aos nossos por inteiro.
Beijocas

mãe gabi disse...

aproveitar todos os minutos segundos preciosos que nao voltam atras


gabi e gonçalo

Pat disse...

Vou seguir o teu conselho. Bjs

Clara Sonhadora disse...

Aproveita ao máximo ;)

Mamã Babada disse...

Oi! Sou estreante no teu blog. Gostei bastante. Não há nada como aprender com as mamãs mais experientes.

Jinhos,

Mamã Babada e Pequena Estrela

Fitinha Azul disse...

É verdade, temos que aproveitar cada segundo...
Beijocas

Ana Santos disse...

Olá,
Tou sem net em casa até sexta-feira devido a uma avaria na minha zona.
O tesourinho já está melhor, já se ve um novo dentinho em baixo e um molar também.
aos 2 anos deixam de ser bébés, embora nós pais vemos sempre os nossos filhos como bébés.
Beijinhos,
ana e tesourinho

Amor de Mãe disse...

Se passa...
Também sinto o mesmo.
Olha e que tal dar um maninho ao Gonçalo???
BjokaS

Henriques disse...

Então e que tal arranjar um 2º pestinha?
Beijinhos
Filipa

Carla O. disse...

Passa mesmo Paula... E ao mesmo tempo que é óptimo vê-los crescer, ficam sempre as saudades :).
Aproveita!
Beijinhos,
Carla e piscos